Sinta-se beijado(a)

A língua é o único músculo que diz a que veio. Eu falo o que penso, eu conto o que vejo, eu compartilho o que gosto, eu exponho meu modo eu me mostro. É um espaço meu, seu, é universal assim como o Beijo! Fique a vontade e divirta-se!

4 de jul de 2008

Culpado!


Sabe os filmes de suspense, terror em que o culpado é aquela figura que você menos espera? Então, na nossa vida, o mordomo nem sempre é quem parece ser. Às vezes culpamos pessoas por nossos problemas e se nos aprofundarmos na questão, podemos até descobrir que o mordomo é inocente, eita mania feia de julgar. A culpa é sempre de alguém nunca nossa? Você já viveu uma situação dessa?



*Beijo e sou inocente :)

6 comentários:

Beautiful Stranger disse...

adorei a imagem e adoro filmes de terror; você está certa, não podemos julgar para não sermos julgados; cada um com sua vida própria...

:)
http://strangerbeautiful.blogspot.com/

Victor Manfredine disse...

sim. sim. já.
infelizmente a gente é
vulnerável a esse tipo
de coisas claudinha.
e fazemos cada ação
sem pensar..
mas a gente aprende.
a vida ensina pra gente.
;]

Maldito disse...

Foi rápido, porque assim vc quis,...

Bjs

O Equilibrador de Pratos disse...

Excelente blog. Curti mesmo. Acho que teu estilo tem tudo a ver com o nosso. É raro encontrar alguém que consiga transmitir tão bem o que pensa. Parabéns mesmo. Ahh, e virarei assíduo aqui, posso? hehehe. (Procura por "Jurandir" lá no nosso blog, ok? Sou eu. hehehe)

- O Equilibrador de Pratos -

O que os homens pensam?
Relacionamentos. Teorias. Discussões. Comentários. Mulheres. Sexo. E pratos equilibrados em varinhas. Bem-vindo à vida real.

3 amigos (B. Sacamano, Hannibal e Jurandir, pseudônimos, claro) que resolveram fazer um blog tratando de assuntos que abordam o "Universo Homem + Mulher = Relacionamentos". Retrata todos assuntos citados acima, com textos bem escritos, humorados, ácidos, sarcásticos, irônicos e, sinceros ao extremo. Vale dar uma conferida. E que atire a primeira pedra quem não se identificar com algo.

PS: por que o nome "O Equilibrador de Pratos"? Entre no blog e descubra. Será um "soco no rim". No bom sentido, é claro.

Cαmilα disse...

Culpar os outros é mais fácil!
As vezes nem é outra pessoa a culpada, e sim nós mesmo!
Jogar a culpa em alguém a saída mais rápida!
;p
Beijo
=)

Pitty que Pariu disse...

Pois é, assumir a culpa é no mínimo um exercício de falta de imaginação...tanta gente pra ser "acusada". ;))

Beijo