Sinta-se beijado(a)

A língua é o único músculo que diz a que veio. Eu falo o que penso, eu conto o que vejo, eu compartilho o que gosto, eu exponho meu modo eu me mostro. É um espaço meu, seu, é universal assim como o Beijo! Fique a vontade e divirta-se!

28 de out de 2008

Cansei de ser ímpar!



Quando penso em escrever algo sobre essas sensações negativas da vida, já lembro da frase dita pela minha amiga Jornalista Andréa Zílio: isso não combina com você! Mas até o Clark Kent sofre com seu amor pela Lois Lane. Quem dirá eu! Ninguém está livre de sofrer por amor, ninguém está livre de morrer de saudade ou sentir medo da solidão. Tenho sentido esse medo, na verdade o medo é de estar sozinha, de ficar sozinha. Faz tempo que o amor não vem, só um monte de cenas ou inacabadas ou rápidas demais pra sentir alguma coisa. Tô ficando cansada dessa solidão do dia-a-dia, dirigir sozinha, almoçar sozinha e o pior dormir sozinha. Não ter pra quem ligar e contar como foi o dia. Ter que se contentar com um monte de travesseiro pra fingir o abraço que não tem. Não ter aquele cheiro familiar. Mas e os amigos? Eles estão sempre aqui, marcando presença e amenizando essas dores, sem eles fica difícil seguir com bom humor, e eu tenho os melhores amigos pra dar risada o dia inteiro. Olha gente, não é que eu esteja com depressão ou coisa parecida, é só uma fase de carência aguda. Pois eu nunca me deixo abater, acredito que nada pode ser tão ruim assim, por isso levo a vida sempre numa boa, de bom-humor, tento levar com saúde mas as farras provam o contrário :).E como diz a música de Cazuza, que a Adriana Calcanhoto interpreta: “sonhar só não dá em nada, é uma festa na prisão”. Me deu vontade de escrever sobre esse sentimento, pois compartilhar é um remédio e tanto. Acho que é verdade quando dizem que não se pode ter tudo. Pois só me falta mesmo o GRAMUR, HAHAHA! Esse é meu temperamento impaciente aflorando cada vez mais!
O fato é que cansei de ser ímpar nesse mundo, quero ser par!

8 comentários:

Léo Mandoki, Jr. disse...

poxa e eu que gosto tanto de vc...li o que vc escreveu e me deu uma vontade enorme de estar do seu lado...puxa vida!!!
não fica assim tristinha não, vc é tão linda tão especial
me mata assim viu!
beijosss claudia..adoro vc

;) disse...

"é só uma fase de carência aguda" é isso mesmo...
Me sinto bem sabendo que não sou a única que está insatisfeita sendo ímpar.!
E é mto bom saber que vc gosta dos meus textos.. de verdade!

Beijãão
;***

MASA disse...

QUER CASAR COMIGO??????????/

Fernanda disse...

Ser impar por muito tempo cansa mesmo!!!!


Sempre passo por aqui e hoje deu vontade de comentar rs

Anônimo disse...

Esse extravasar é um pequeninar de tristezas... em que a própria vida faz-se o sentido maior. Mesmo na solidão é para isso que olhamos... o que temos em volta. Agora, registrar, é importante, para quem encontra nisso, uma forma de falar para o próprio coração. Você escreve para o seu coração. Beijos. Te amo minha linda!

kellen valeska disse...

Oie..
Ótimo post,é ser ímpar não é nada fácil...
Tbm estou nesse momento,onde nós queremos ter alguem do nosso lado pra dividir as alegrias e tristezas...
Como dizem:Calma seu "príncipe" ainda vai chegar..
Mas esse príncipe deve estar vindo de carroça,pra demorar tanto assim..kkkk


bjOO

Maldito disse...

Estou passando por um momento parecido! Nunca se vence uma guerra , lutando sozinho!
Bjs

Pitty que Pariu disse...

Linda,

Bem vinda ao clube! ahAHhA

Brincadeirinha. Eu amo relação, adoro estar junto, mas eu também gosto de me curtir, gosto de não ter compromisso, não ter que conciliar, não ter horas, não ter freios, não ter medidas. Complicado, né? É um pouco de Freud, afinal o que querem as mulheres?

Beijo